terça-feira, 8 de maio de 2018

PRÁ ENLOQUECER



Socorro Almeida



PRÁ ENLOUQUECER

Que prazer foi este que tu me deste
Ao me tocar e me sentir estremecer
Por que me deste o amor que não pedi
E essa dor que me faz enlouquecer?

Por que me ponho do avesso quando me tocas
Nem ternura tens que eu possa perceber
Me envolve, me domina, me deixa exposta
Em sussurros que me fazem enlouquecer?

Me deixa ir, eu não quero e aqui estou
Por essa dor que me doa sem gemer
Sem me conter, agora peço o teu amor
Até a dor que me faz enlouquecer!

SOCORRO ALMEIDA .








Ensinarás a voar ...
Mas não voarão o teu voo.
Ensinarás a sonhar ...
Mas não sonharão o teu sonho.
Ensinarás a viver...
Mas não viverão a tua vida.
Ensinarás a cantar ...
Mas não cantarão a tua canção.
Ensinarás a pensar...
Mas não pensarão como tu.
Porém, saberás que cada vez que voem, sonhem, vivam, cantem e pensem...
Estará a semente do caminho ensinado e aprendido!

8 comentários:

  1. Bravo Socorro Almeida, uma descrição perfeita das dúvidas do amor.

    ResponderExcluir
  2. Grata, amigo poeta. Vindo de você... não tenho dúvidas!

    ResponderExcluir
  3. Belíssimo momento de arte poética, sentimentos tecidos de maneira magistral e dúvidas do amor. As ilustrações ficaram deslumbrantes. Encantada aqui com a página. Parabéns amiga poetisa Socorro Almeida, pelo seu lindo e expressivo poema. Aplausos ao blog. Show de emoções!

    ResponderExcluir
  4. Um belíssimo e sentido poema... as dúvidas do amor foram tecidas com maestria. As imagens ilustrativas adornam e complementam o poema. Sempre bom ler-te poetisa Socorro Almeida. Parabéns a ambos pela excelente partilha. Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quero também destacar a bela e edificante mensagem de Madre Teresa de Calcutá. Aplausos

      Excluir
  5. Que linda página, muito romantismo no ar. Belas dúvidas tecidas em versos de elite. As imagens embelezam ainda mais o tema abordado. O novo visual do blog, hoje, com um edificante pensamento da sábia Madre Teresa de Calcutá. Parabéns poetisa Socorro Almeida. Aplausos para o blog. Abraços

    ResponderExcluir
  6. Obrigada a todos pelos comentários maravilhosos de vocês. As ilustrações são sempre um show!!!!

    ResponderExcluir
  7. Que bela página, a nossa poetisa Socorro Almeida tece seus versos das dúvidas do amor de maneira perfeita. As imagens que demonstram muito romantismo e entrega. Parabéns a todos! Amei

    ResponderExcluir