quarta-feira, 14 de novembro de 2018

ALMANACH

Edição Nº 248 - Tema Livre


Dra. Marlene Nobre

MÉDICA, ESCRITORA E CONFERENCISTA INTERNACIONAL

Dra. Marlene Nobre
 Marlene Rossi Severino Nobre. Nascida no interior de São Paulo, em 1937, desencarnada em janeiro de 2015. A líder espírita foi fundadora do C.E.Cairbar Schutel, em São Paulo, e da Associação Médico-Espírita (de São Paulo, do Brasil e a Internacional); juntamente com Freitas Nobre fundou também a o jornal e a Editora “Folha Espírita”; autora de vários livros. Era membro do Conselho Nacional das Entidades Especializadas da FEB, órgão instalado em 2014.
Sobre um dos seus livros “Chico Xavier, meus pedaços do espelho”, da FE Editora, Marlene Nobre que teve a felicidade de ser amiga e conviver por 44 anos com o médium e, no livro, sugerido pelo próprio Chico, em 1977, ela traz relatos inéditos sobre a vida daquele que foi um verdadeiro apóstolo do Cristo, ela disse:
“Este livro é um testemunho. Testemunho de uma convivência de mais de quarenta anos com a figura absolutamente extraordinária de Chico Xavier. Testemunho de gratidão pelo privilégio de receber em primeira mão as lições que confortam milhares de corações combalidos.
Testemunho do privilégio de poder atestar os feitos de uma mediunidade ímpar, colocada a serviço da humanidade. Partilhar essa gratidão com meus semelhantes me levou a pesquisar a fundo a vida do médium”.
Ambulatório de Especialidades Várzea do Carmo - SP
Dra. Marlene Nobre foi minha Diretora Médica, em São Paulo, quando eu ocupava uma de suas Diretorias Técnicas (Diretor de S.A.D.T – Serviços Auxiliares de Diagnóstico e Terapia), e tivemos longos e proveitosos diálogos sobre Oncologia Infantil e Mundo Espiritual, no Ambulatório de Especialidades Várzea do Carmo, no bairro do Glicério, em São Paulo.

Saudades

Peço licença aos amigos e leitores para postar um vídeo da Dra. Marlene Nobre, não peço posições, peço apenas respeito às diversas maneiras do Pensamento Humano. Obrigado.
  

 Coerência

Falar em coerência,
Como é simples meu irmão,
Difícil é tê-la,
Prová-la, eis a questão.
Ser coerente
Não é falar grosso não,
Ser coerente
Não é andar na contramão.

Tapinhas nas costas agradam,
Mesmo de antemão,
Mas ser coerente
Não é puxa-saquismo não.
Ser coerente
É chorar com emoção.
Ser coerente
É ser só coração.

Para Marlene Nobre,
Uma pessoa coerente

 Jorge Leite.

Testamento 

O que deixar aos amigos
Que tanto ajudaram,
Que tanto fizeram ver,
Que tanto guiaram.
Que nos bons e maus momentos
Sorrimos de contentamento
Ou choramos nossos ais.

O que deixar aos amigos que nunca nada exigiram.
Tanto recebi sem nada pedir,
Tanto encontrei sem procurar,
Tanto prenderam sem amarrar.
Solto fiquei em suas mãos,
Crescemos juntos, nos tornamos irmãos.
Unidos em uma só alma,
Em um só coração.

Discussões tantas tivemos,
Crítica tantas fizemos,
Emoções tantas vivemos.
Pensávamos em uníssono
Mesmo em nossas discordâncias
Brigamos pelos mesmos objetivos,
Sonhamos com os mesmos ideais,
Lutamos as mesmas lutas,
Sangramos os mesmos ais.

O que deixar aos amigos
Senão as nossas lembranças,
Senão as nossas certezas,
De um mundo um dia melhor
Igual para todos os viventes
Independentemente da cor,
Independente da raça,
E também dos dirigentes.

O que deixar aos amigos
Sentados à mesa de um bar,
Em frente um chope espumante,
Conversas jogadas fora.
Uma cadeira vazia.
Nela fica a Saudade
Sentada no meu lugar.


Aos amigos e amigas (pois nossa língua nos força a separá-los) Sandra, Elda, Osny, Trindade, Cacilda, Poly, Neusa, Tereza, Verinha, Rose, Sérgio, Glaís, Sandra, Rita, Brígida, Rose, Terezinha, Ari, Morgana, Rosana, Lourdes, Ribamar, Brollo,, Elaine, Lea, Maria do Carmo e tantos e tantas que se tornaria cansativo e exaustivo citá-los e citá-las. Todos faziam e alguns ainda fazem parte da família "Várzea do Carmo".


Instantes

Em instantes
O presente torna-se eterno.
Você ao meu lado.

Sem limites
O espaço perde sentido.
Mesmo distante,
Você está presente.

Em nossos momentos
Passamos a existir,
Nem só corpo,
Nem só mente.
Mente e corpo,
Eu e tu
Tão somente

1991 - SP - Em uma manhã de Carnaval.
Jorge Leite

Notas de Rodapé



Esculhambando com as nossas Mentes …Você não deve pensar...

Edward Bernays foi muitas vezes chamado de “o pai das relações públicas”, como foram os seus ensinamentos e pesquisas que estimularam os anos de propaganda do pós-guerra. Bernays, um sobrinho de Sigmund Freud, utilizou ideias psicológicas e psicanalíticas para construir um sistema de informação – propaganda – capaz de manipular a opinião pública.
Bernays, aparentemente, considerou que um tal aparelho de manipulação fosse necessário porque a sociedade, segundo sua opinião, era composta de muitos elementos irracionais – o povo, a massa – que poderia ser perigoso para os mecanismos eficientes de poder (ou a chamada “democracia”).Bernays escreveu que, “A manipulação consciente e inteligente dos hábitos organizados e opiniões das massas é um elemento importante na sociedade democrática”.

No contexto das nossas sociedades modernas de massa, a propaganda se transformou em um mecanismo para não apenas moldar a opinião pública (n.t.-Sobre qualquer assunto), mas também para consolidar o controle social.
Modernos programas de influência social não poderiam existir sem os meios de comunicação atuais. Hoje ele existe como uma combinação de experiência e conhecimento da tecnologia, a sociologia, o behaviorismo (comportamento) social, psicologia, comunicação e outras técnicas científicas. Quase todas as nações precisam de alguns meios de comunicação controlados se ela quiser regular, controlar e influenciar os seus cidadãos. Por meio da grande mídia, o controle de uma autoridade é capaz de exercer influência psicológica sobre a percepção da realidade das pessoas.

Esta capacidade trabalha lado a lado com os componentes mais físicos, tais como a aplicação do sistema legal e as leis de segurança nacional (controle de movimentação, vigilância e monitoramento). O Controle do Estado, atuando como uma “máquina psicológica”, instiga específicas manipulações psicológicas, a fim de atingir os objetivos desejados dentro de suas fronteiras nacionais (e muitas vezes além).
A Mídia de hoje, que inclui a presença dominante da publicidade, usa extensivamente a noção de “atratores” e de “padrões atrator” para a consciência público-alvo. Este tipo de manipulação de símbolos é muitas vezes referido no ramo como neuromarketing. Corporações da mídia estão usando o enorme crescimento das comunicações globais para continuar a moldar a sua ciência de atingir (n.t. – moldar e induzir) a consciência humana.
Os anunciantes estão cientes de que a consciência de uma pessoa passa em mensagens indiretamente para o corpo em forma de resposta galvânica da pele, resposta da pupila, a resposta elétrica do nervo, etc, e assim cada elemento da promoção na tela deve elucidar a recepção correta consciente. Para alcançar este conjunto correto de padrões de atrator, todos os elementos do pacote de publicidade são deliberadamente trabalhados: a música, o visual, o roteiro, a voz.

Outros métodos de propaganda descarada incluem órgãos governamentais utilizando o que pode ser chamado de “realidade da verdade”, liberando estatísticas aparentemente precisas que “comprovam situações plausíveis”. Essa é a tática especialista-de laboratório-vestido-em-jaleco-branco. Para tal propaganda / informação ser eficaz, ela não pode estar muito longe da verdade, em outras palavras, ela deve ter a aparência da realidade. Os números sobre o desemprego, do Comércio e mercado financeiro são um exemplo disso.

 Como norma, as estatísticas que tem uma conotação negativa geralmente são retiradas da menor pilha possível. Uma vez que uma alegação falsa ou adulterada é disseminada e aceita pelo público, torna-se estabelecido e difícil de desconstruir ou invalidar a afirmação falsa, salvo em que uma persuasiva anti-propaganda seja bem eficaz.

As sociedades modernas são configuradas para acomodar tanto o individualismo bem como a massa coletiva da população. No entanto, as formas que o individualismo é aceito tem muitas vezes uma bainha para esconder o funcionamento de uma psique de massa. É o que poderia ser chamado de “liberdade permitida” que é fornecida para o “homem moderno” em busca de ganhos materiais (n.t. somente isso, ganhos materiais e nada mais, você não deve pensar…), desde que exista uma contribuição para o plano geral da autoridade que decide. A LIBERDADE, então, é apenas uma expressão de mobilidade dentro de um sistema pré-descrito: não denota liberdade externa em relação ao próprio sistema.

 A exibição da diversidade na informação proveniente dos meios de comunicação dá a ilusão de notícias e reportagem independente. No entanto, os principais meios de comunicação de qualquer nação ou nações é de propriedade de apenas um pequeno punhado de pessoas jurídicas com relações de alto nível com o Estado (n.t. ou que controlam o estado).

Os principais meios de comunicação atendem a essas necessidades, operando uma variedade de jornais, que suportam estes pontos de vista mítico, quer ser politicamente à esquerda, direita, esquerda / direita do centro, liberal, independente, isto, aquilo ou qualquer outra das posições disponíveis para atender “a diversidade dentro da unidade” da mente de massa coletiva. No entanto, a mudança em direção a propagação da realidade banal está no cerne do controle cada vez mais centralizado da mídia.
Em nosso meio ambiente saturado da mídia, às pessoas são permitidas viverem as suas fantasias no que é considerado uma forma menos prejudicial para ajudar a aliviar o chamado “trabalho penoso de vidas repetitivas”. (n.t. da escravidão mental imposta por quem controla o sistema) Esta construção também oferece às pessoas um espaço e ponto de conversa entre amigos e colegas de trabalho, ou oferece uma zona tampão para encobrir o embaraço de uma família não-comunicativa. E se ao final o inferno for liberado, se perder no trabalho, pelo menos você tem “True Blood” ou “Friends” esperando por você na sua tela de TV em casa!

Em termos de notícias nos principais meios de (ops controle da mente) comunicação, é sempre importante verificar a fonte ao se ler ou ouvir uma notícia, ou seja, é de uma fonte independente ou é, “de acordo com uma fonte do governo”, etc. Os principais meios de comunicação em grande parte são alimentados através de serviços de notícias globais, as duas maiores agências de noticias são a Reuters (agora Thomson Reuters) e a AP-Associated Press.De novo este fato constitui uma centralização (e controle) das informações de imprensa.

Meios de comunicação independentes, como existe agora com a chegada da era e da maturidade na internet, tem servido para contra neutralizar uma parte do poder esmagador persuasivo da propaganda controlada da mídia mainstream.

Há agora os esforços em curso para censurar sites de informações que são críticos ao Estado. Portanto, é imperativo que nossos meios de comunicação independentes sejam protegidos, nossas redes sociais da liberdade de expressão preservadas, e nosso direito de procurar e falar a verdade defendida. Mexer com a mente não tem lugar em um futuro verdadeiramente democrático e igualitário.


Tradução, edição: Thoth3126@protonmail.ch


“O medo é a emoção predominante das massas que ainda estão presas no turbilhão da negatividade da estrutura de crença da (in)consciência de massa. Medo do futuro, medo da escassez, do governo, das empresas, de outras crenças religiosas, das raças e culturas diferentes, e até mesmo medo da ira divina. Há aversão e medo daqueles que olham, pensam e agem de modo diferente (os que OUVEM e SEGUEM a sua voz interior), e acima de tudo, existe medo de MUDAR e da própria MUDANÇA.” Arcanjo Miguel


Pixabay - Espiritualidade








11 comentários:

  1. Uma belíssima página de Almanaque em ação, com muito conteúdo, boas informações, excelentes pesquisas, grandes ensinamentos e lindíssimos poemas, tudo compartilhado em nosso Cantinho do Saber, o Blog Maçayó. As ilustrações estão lindas, expressivas e complementam totalmente as temáticas abordadas, o vídeo apresenta um momento de reflexão, uma ótima iniciativa, é sim uma página de quarta-feira com muitas emoções. O poeta Jorge Leite está de parabéns, pois sabe nos emocionar. Aplausos pelo sucesso da partilha. Um bom dia e abraços a todos!

    ResponderExcluir
  2. Realmente, hoje a página de Almanaque encontra-se bastante recheada de grandes emoções e excelentes conteúdos... Uma quarta-feira de Luz e muito ensinamento. Caro amigo poeta Jorge Leite a iniciativa do Almanaque é bastante criativa e proveitosa, eu mesmo gosto muito das pesquisas e tenho aprendido bastante por aqui. As ilustrações estão belas e expressivas e bem pertinentes aos temas, os poemas são lindíssimos e ricos. Já o vídeo da Dra. Marlene Nobre é bastante reflexivo. Tudo perfeito por aqui! Abraços e uma feliz quarta-feira a todos!

    ResponderExcluir
  3. Dr. Jorge Leite, como médico o que o amigo acha sobre a humildade presente na Religião Espírita? Gostaria da sua interação. Grato poeta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Maciel, pensei que você iria perguntar o que acho da humildade na medicina?
      “Humildade é ter um conceito equilibrado de si mesmo, sem buscar honra para si. A humildade é o contrário do orgulho. A pessoa humilde agrada a Deus” (Romanos 12:3).
      Caro amigo. A humildade deve estar presente em todos os momentos de nossa vida, não somente no Espiritismo. Na Medicina ela tem que está presente em todos os nossos procedimentos, lidamos com sofrimento, com dor e sem humildade e sem amor não estamos servindo a quem necessita de nossos conhecimentos, estamos servindo a nós mesmo.
      O Espírita é um Cristão, quase sempre um católico. Como cristão ele tem o dever de ser humilde. A humildade tem como objetivo ajudar o próximo (Medicina, Religião e Espiritismo também) como um ato natural e espontâneo não esperando algo em troca. Esperar recompensas em atos bons não consiste em Amar seus semelhantes.
      E o que é humildade? meu caro amigo. Humildade é agir com simplicidade, é agir sem arrogância, sem prepotência, sem soberba, com responsabilidade, reconhecendo nossas limitações. Ser humilde é agradecer a Deus por cada dia que passamos nessa morada, aceitar que cometemos erros e que não somos perfeitos; pedir desculpas a quem machucamos, servir e não procurar glória nesse servir. Ser humilde é não ser orgulhoso. Simples.
      Espero ter respondido ao seu questionamento. Um grande e afetuoso abraço.

      Excluir
    2. Respondeu à altura caro amigo Jorge, gratidão pela sua interação. Afetuoso abraço! Obrigado!

      Excluir
  4. Uma maravilha de página de quarta-feira, um Almanaque com informações ricas em conteúdo e ensinamentos. A Dra. Marlene Nobre é sim uma pessoa coerente e faz o leitor refletir melhor sobre a Visão do Espiritismo. Poeta e amigo Jorge Leite os seus poemas compartilhados tocam a nossa alma e fazem fluir as emoções. As imagens ilustrativas estão belas e expressivas, como também as pesquisas aqui compartilhadas. Gostei de tudo por aqui nesse sensacional Blog. Parabéns pela excelente partilha e um feliz dia a todos. Abraços...

    ResponderExcluir
  5. Uma linda e expressiva página do blog, como um Almanaque de diferentes leituras e ótimas informações, essa quarta-feira promete, pois os conteúdos aqui compartilhados são importantíssimo para o nosso dia a dia. Uma partilha leve com poemas lindos e excelentes imagens ilustrativas. Gostei bastante das pesquisas e do vídeo que apresentam abordagens reflexivas. Parabéns amigo poeta Jorge Leite. Abraços a todos e um excelente dia!

    ResponderExcluir
  6. Muito legal essa página de quarta-feira, um Almanaque digno de aplausos. Belíssimos poemas, pesquisas, informações, ensinamentos, reflexões. Imagens bem expressivas e belas. O vídeo da Dra. é excelente que luxo de página e conteúdo. Achei perfeita essa iniciativa das Manchetes do dia. Parabéns poeta Jorge Leite pela arte final. Muita Luz por aqui no blog. Boa tarde a todos e forte abraço!

    ResponderExcluir
  7. Perfeita essa narrativa sobre a humildade no ponto de vista espírita. Realmente, a humildade é uma qualidade humana que deve ser externada em qualquer aspecto ou ocasião. Quem tem o dom da humildade tem Deus no coração.
    Justa homenagem à Dra. Marlene Rossi.
    Lindas ilustrações e poemas maravilhosos.
    Parabéns Dr. Jorge pela belíssima página de hoje. Abraços

    ResponderExcluir
  8. Boa noite a todos! Passando aqui para prestigiar mais uma belíssima página do blog, que hoje compartilha muitas informaçőes, pois é um verdadeiro Almanaque em pesquisas e um interessante artigo sobre a Dra. Marlene Nobre. As ilustrações como sempre estão impecáveis e os poemas do amigo poeta Jorge Leite são lindíssimos, que sabe nos emocionar. Tudo muito show! Parabéns por mais um encanto de página. Saudades de todos vocês... um beijão em cafa um.

    ResponderExcluir
  9. Corrigindo: em cada um...

    ResponderExcluir