quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

Cadernos de Poesias - Socorro Almeida

Ano II - Edição Nº 280 - Poesias
Tema das Imagens - Cadernos de Rascunhos



SUPER LUA
De: Socorro Almeida

Ah! Aquela lua!
Como gostaria de morar ali
Escondidinha à sombra de suas crateras!
Em cada fase sua lá estaria eu,
Triste ou feliz, linda em seu esplendor!
Eu seria tão intensa quanto ela é
E no silêncio de suas noites
Seria iluminada apenas
pela luz das estrelas.
Para que me serviria a luz do sol?
Me bastaria tão somente
o calor
Do meu apaixonado coração
E viveria em eternas viagens
De encantamento e solidão!
Caderno de Rascunho de Samuel Beckett
VIAGEM DOS SONHOS
De: Socorro Almeida

Vem caminhar comigo pelas estradas da vida
Essa viagem pensei em fazer ao teu lado
Se ferires os teus pés, as dores serão minhas
E te farei esquecer decepções do passado.

Nessa viagem só nós dois, os passageiros
Sem condutor no trem da ilusão
Sem testemunhas que vigiem o nosso amor
Só os pássaros nos mostrando a direção.

E caminhando na certeza do
descanso
Dessa peregrinação de amor e encantamento
Ficam para trás as tristezas dos enganos
E à nossa frente, as estrelas e o firmamento!

Recife, 23/01/2019
Caderno de Honoré de Balzac - Tamanho original
COLO DE MULHER
De: Socorro Almeida

Apenas uma palavra cabe em meus adjetivos
Atribuí-la a mim é elogio que me faz
Tenta descobrir... se és tão perspicaz
Se interessa saber prometo que te digo

No centro planetário em quinta grandeza
Lanço meus raios dispostos a queimar
Nem a estrela da noite se põe em tua defesa
Inútil que te escondas atrás do luar.

A lua gira em torno de ti em busca de luz
Permaneces assim, girando em torno de si
Nem a noite me faz deixar de brilhar
Estou do outro lado...ainda a brilhar por ti

Agora que sabes certamente quem sou
Eu sou aquela que te queima de paixão
Quando em tuas noites frias de solidão
Tens de mim aquele colo ardente, abrasador!

Recife, 19/01/2019
Caderno de Fernando Pessoa - Tamanho original
MEU JEITO DE TE AMAR 
De: Socorro Almeida

Eu te amo de um jeito
que jamais saberei
o quanto intenso é pra mim
e tão pouco para ti.
Eu te amo de um jeito
que o arco-íris se desbota
e ao perder as suas cores
muito mais belo e colorido
se derrama todo em mim!

Eu te amo de um jeito que
ao ouvir o choro de uma criança
retorno ao útero da mãe amada,
renasço maravilhada
e mais cheia de esperança!

E por esse intenso amor de mim
eu me acorrento sem sentir
E deste mundo só os guizos
Que me prendem
sejam por amor a ti!

Recife, 27/11/2018
Franz Kafka - Tamanho original
IMPOSSÍVEL FINGIR
De: Socorro Almeida

Quando pensava que não mais te amava
Acordo sentindo a dor do primeiro dia
De repente a esperança perde intensidade
E minha vida volta a ser vazia

Quantas vezes pensei que não me importava
Se tua presença era importante pra mim
Se teu abraço era o conforto que precisava
Se tinha razões para te amar assim

Indiferente, eu não atendo tua chamada
Não quero saber o que se passa contigo
Sabes o quanto foste cruel comigo
Assim, sigo a vida tentando ser amada

Mas o que faço mesmo é tentar me enganar
E pergunto aqui e ali por notícia tua
Impossível fingir que não te amo mais
Esta é a minha verdade, nua e crua!

Recife, 20/01/19
James Joyce - Tamanho original
NOBRE RAINHA
De: Socorro Almeida

Tua tristeza se espalha aos quatro ventos
Decepções são sentidas no teu semblante
Pela boca que esbraveja os desencantos
Ainda almeja ser amado sem merecimento

Por ser rico quer mostrar teu paraíso
Pensando ser mais nobre pelo que tem
O pobre não tem nada além de um sorriso
De esperança num amanhã que um dia vem

Não quero o teu palácio, nobre rei
Sou rainha de todos por meus encantos
Eu tenho a terra que me traz fertilidade

Eu tenho o teto que me abriga e que me diz
Já ter de tudo que precisa uma rainha
Até minha coroa tem um nome: Felicidade!




Cadernos de Rascunhos - Google

16 comentários:

  1. Uma belíssima e expressiva página de quarta-feira, com a nossa grande poetisa e amiga Socorro Almeida que mais uma vez brilha em nosso Blog Maçayó, com a leveza do esvoaçar das borboletas, pois seus versos voam e aterrizam nesse momento deslumbrante e romântico de arte poética. As ilustrações criativas, que são os acervos dos mestres da Literatura seus rascunhos. Sensacional a arte final do poeta Jorge Leite. Tudo perfeito por aqui em nosso Cantinho do Saber. Aplausos mil amiga pela grandiosidade das suas poesias. Parabéns aos poetas pelo conjunto. Abraços a todos... show!!!

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, Bete. Aqui estou sempre atenta e ansiosa por mais uma publicação dos meus poemas. Muito grata pelo carinho de sempre e por seus elogios que me encorajam a continuar escrevendo. Minhas poesias são feitas pra vocês, nobres poetas, que me incentivam e me fazem feliz. Abraços

    ResponderExcluir
  3. Gosto demais do estilo dos poemas da minha amiga Socorro Almeida. Há muito tempo acompanho suas poesias e a cada novo rascunho já sou agraciado antes da publicação. Tenho que admitir que sua forma de escrever nos deixa emocionados. Ela sabe "brincar" com o coração da gente. Parabéns a todos.

    ResponderExcluir
  4. Não há adjetivos que justifiquem tanta beleza nos poemas de Socorro Almeida. Conheço tantas poetisas do passado com poemas maravilhosos, mas com essa leveza, essa profundidade...me faltam palavras. Ela arruma as palavras, em versos simples, e consegue atingir a perfeição. Mas, será que estou exagerando? Acho que não, pois eu sei como fico emocionada, por conhecer a pessoa que ela é... ela é única nesses momentos!
    Muita emoção!
    Parabéns, gente!

    ResponderExcluir
  5. Muito bonitos os poemas de Socorro. Eu como seu irmão fico orgulhoso. Parabéns pra ela e pra vocês também que sabem apreciar coisas boas.

    ResponderExcluir
  6. Como sempre tudo lindo. As poesias de Socorro são realmente belíssimas. Ela sabe como ninguém nos emocionar. Parabéns a vocês do blog em publicar tanta coisa linda, que até esquecemos as tristezas e preocupações, nem que seja nesses momentos de alegria e emoção.
    Fico no aguardo, pois outras maravilhas virão, com certeza.
    Abraços a todos.

    ResponderExcluir
  7. Lindos poemas e poesias Socorro Almeida! Seu jeito especial, de enxergar sentimentos e transcrever nas linhas de um poema e toca nossa alma! É o "ser poeta"! É um dom divinal! Parabéns, e continue nos brindando com maravilhas como essas! Grande abraço

    ResponderExcluir
  8. Uma maravilha de quarta-feira poética com nossa amiga poetisa Socorro Almeida e seus belíssimos poemas românticos. Gostei bastante das imagens ilustrativas dos rascunhos literários dos grandes mestres, muita imaginação e criatividade do poeta amigo Jorge Leite. Um verdadeiro show poético em nosso Cantinho do Saber, o Blog Maçayó. Parabéns poetas pelo conjunto e um feliz dia a todos! Saudades e abraços...

    ResponderExcluir
  9. Muito linda e diferente ficou essa página de Quarta-feira com muita emoção e poesia. Belíssimos poemas da amiga poetisa Socorro Almeida e seus versos suaves e românticos. Achei muito criativa as ilustrações com os rascunhos dos grandes nomes da Literatura. Quero parabenizar ao poeta Jorge Leite pela arte final e aplaudir a poetisa pelos seus divinos poemas. Tudo perfeito por aqui! Excelentes leituras a todos e uma boa tarde. Abraços...

    ResponderExcluir
  10. É sim um belíssimo momento em poesia, uma quarta-feira romântica em nosso Blog Maçayó, com versos lindíssimos e expressivos da nossa amiga Socorro Almeida. As ilustrações estão criativas demais, que deixam o Cantinho com a roupagem de recanto poético. Parabéns amigo poeta Jorge pela criatividade dos rascunhos. Um verdadeiro show! Parabéns para todos nós. Saudades e abraços... gostaria de informamar que a Flor de Lis está participando de uma mesa redonda sobre Literatura e encontra-se impossibilitada de prestigiar o blog. Abraços

    ResponderExcluir
  11. Gente, vou me dirigir a todos de uma só vez.
    Dizem que são irmãs as almas dos poetas. Eu acredito nisso porque os poetas se entendem, se emocionam e são mais que amigos. Neste blog a gente tem esses momentos inusitados e únicos. A cada publicação é uma surpresa, um ponto de encontro, pra matar a saudade. Um "cantinho do saber" de onde tiramos conhecimentos, emoções e alegrias.
    Obrigada a todos vocês: Bete Leite, Jorge, Fátima Cardoso, Sérgio Leite, Lúcia Lins, Maciel, Geovanna, Paulo, Flor de Lis, Ana Figueiroa e meu irmão Nelson...meu muito obrigada. Beijos

    ResponderExcluir
  12. Essa amiga e poetisa Socorro Almeida, como sempre nos emocionando com suas poesias, sou sua fã e desse blog que nos permite esse momento de emoções

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Telma Cardoso, amiga de longas datas. Feliz com sua visita e seu carinho.
      Obrigada por interagir conosco. Será sempre um prazer vê-la por aqui. Falo por mim, Bete, Jorge e demais colaboradores e poetas.
      Bjos

      Excluir
  13. Fábia Costa de Medeiros30 de janeiro de 2019 18:53

    Prima?! Você arrasou!
    Parabéns pelos poemas...
    Parabéns ao blog...
    Muito bom!!!

    ResponderExcluir
  14. Na minha opinião, essa página foi a melhor de todas que eu já li. Todos os poemas têm aquele estilo próprio, aquele toque todo pessoal da Socorro Almeida. Fala de saudade, de nostalgia, de tristeza e dor. Mas, de repente a poetisa dá uma "volta por cima" no soneto NOBRE RAINHA, numa demonstração de amor próprio e auto-estima.
    Muito bom.
    Parabéns a todos pelo sucesso do blog.

    ResponderExcluir