sábado, 9 de março de 2019

O Milagre da Vida

Ano II - Edição Nº 290 - Tema Infantil
Tema das Imagens - Onça-Pintada



ONÇA-PINTADA

Sou onça-pintada das Américas
Minha espécie está em extinção
É pura maldade do Ser Humano
Não lutar pela minha preservação...

Sou felino perspicaz e inteligente
Só caço pela minha alimentação,
Eu sei respeitar a Flora e a Fauna
Pois, amo a Natureza de coração...

Sou terceiro maior felino do mundo
Luto pelos filhos, minha reprodução
Eu quero eternizar a minha espécie
A sobrevivência da minha evolução...

Meu legado é uma verídica história
A falta de respeito é pura humilhação
Quero viver em prol da minha prole,
Pois a minha morte é uma violação...

Sou onça-pintada que, hoje, chora
O Universo precisa de pacificação
Ah, quero os meus filhos crescidos!
A liberdade é a nossa multiplicação.

Elisabete Leite – 06\03\2019


O MILAGRE DA VIDA

          A floresta estava toda em festa, era uma animação total, pois os felinos esperavam pelo grande momento, o nascimento do filhote da onça-pintada, uma espécie ameaçada de extinção no Brasil devido à caça predatória e à perda e degradação de seu habitat natural. Os animais da localidade ainda não acreditavam que a família desse felino inteligente e de ótima visão noturna iria crescer, porém já era uma realidade, logo um novo membro nasceria para felicidade de todos... “Sabe-se que a onça-pintada é o terceiro maior felino do mundo, após o tigre e o leão, é uma espécie de mamífero carnívoro da família Felidae encontrada nas Américas.”
          Dona onça ficou satisfeita e radiante de felicidade quando a sua cria finalmente nasceu, ela olhou para o bebê e percebeu que era uma oncinha fêmea e gritou bem alto: é um Milagre! Assim, permaneceu o nome da belíssima oncinha “Milagre”. O pai da linda bebezinha foi logo puxando conversa:
          - Querida, estou muito feliz! Nossa filhotinha é o milagre da nossa espécie e você é o meu tesouro.
         - Oh meu amor, também estou muito feliz! Pois ela é o milagre da vida, futuramente irá multiplicar a nossa espécie.
          Assim, entre conversa vai e conversa vem, Milagre continuava dormindo tranquila no aconchego e calor do corpo da sua mãe, a dona onça-pintada... A festa rolou por vários dias e foi um verdadeiro sucesso, muita alegria, cantoria e grande animação por parte de todos os animais daquela floresta, eles achavam que Milagre era a esperança que faltava para a preservação da sua espécie.
         Milagre logo cresceu, assim como os outros filhotes de diferentes animais, seus amigos e amigas das brincadeiras infantis, ela era conhecida pela vizinhança como o Milagre da Vida e se sentia feliz e orgulhosa por isso. Linda e com muitas manchinhas pretas pelo corpo, ela fazia o maior sucesso por onde passava. Ela era uma amiga especial dos também felinos, o tigre Peludinho e o leão Jubazinha, eles eram inseparáveis, viviam correndo, brincando e se escondendo por todos os lugares.
          Certo dia, os três saíram para passear, eles queriam visitar outras florestas, conhecerem novos lugares e não notaram que estavam se distanciando de casa e quando perceberam já era tarde demais, eles estavam perdidos, sozinhos, sem norte e sem direção certa. O tempo logo escureceu e a noite caiu rapidamente, uma forte chuva cobria a floresta com seu manto acinzentado, raios riscavam todo horizonte e o barulho dos trovões queria derrubar o céu. Os três amigos estavam morrendo de medo, longe de casa e sem a presença dos seus pais. Milagre ficou puxando conversa com os outros na intensão de distraí-los:
          - Peludinho e Jubazinha, eu sei que vocês estão morrendo de medo, assim como eu. Devemos ficar bem juntinhos e aquecidos, com o calor do nosso corpo.
         - Milagre, você é a única esperança da sua espécie, não devemos mudar essa história. Disse-lhe Peludinho.
          - Isso mesmo Peludinho! Precisamos pensar em alguma estratégia e levar Milagre para casa sã e salva. Exclamou Jubazinha.
         - Nada disso amigos, todos nós somos importantes para nossa espécie, nós voltaremos sãos e salvos.  Disse-lhe Milagre.
         De repente, um tiro solto no ar quebra o silêncio e os três amigos ficam com mais medo ainda, eles sabem que deve ser um caçador querendo pegar uma presa à noite, um jantar especial. Eles permanecem caladinhos e o silêncio volta a reinar na floresta. Logo, os três vãos à procura da vítima que deve estar, ainda, agonizando no chão. Eles avistam uma onça-pintada, igualzinha a Milagre e, se aproximam devagar:
          - Dona onça fale comigo, por favor! Exclamou a bela oncinha Milagre.
          - Estou muito ferida e não posso me levantar! Ela falou, deu um suspiro e morreu.
          Os três amigos recuaram um pouco e ficaram parados, comovidos pela cena terrível, foi quando ouviram um chorinho bem baixinho, se aproximaram de uma moita e viram dois filhotes da onça-pintada, bem pequeninos com poucas horas de vida. Milagre foi a primeira a falar:
         - Precisamos tirar eles daqui, vamos levar os filhotinhos com a gente!
         - Estamos perdidos! Precisamos esperar o amanhecer e encontrar o caminho de casa. Disse-lhe Jubazinha.
        Logo, amanheceu e os três amigos seguiram em busca do caminho de casa, Milagre carregava os dois filhotinhos, enquanto Jubazinha e Peludinho auxiliavam na caminhada. Depois de muito eles andarem, conseguiram encontrar o caminho certo e chegaram sãos e salvos em casa. As famílias já estavam preocupadas e os recepcionaram e a mamãe da oncinha Milagre ajudou no acolhimento dos pequeninos. Que na verdade eram duas oncinhas fêmeas que receberam os respectivos nomes de: Vitória e Esperança.
         Assim, o milagre foi dobrado, pois enquanto houver vida, haverá esperança. A floresta continuou em festa e todos foram felizes para sempre.

         Até a próxima aventura pessoal!

        Elisabete Leite – 06\03\2019
 


CANTINHO DA TIA BETA

Olá pessoal, feliz retorno a todos!

Hoje, vamos conhecer um pouco mais sobre esse incrível animal a nossa Onça-Pintada, também chamada de Jaguar, é o maior felino das Américas e o terceiro maior do mundo, depois dos tigres e dos leões.
Trata-se de um animal predador (que está no topo da cadeia alimentar), carnívoro e vertebrado (possui vértebras). Pertence à ordem carnívora e à família Felidae. Seu nome científico é Panthera onca.
Ela possui uma função ecológica muito importante visto ser um predador que auxilia no equilíbrio das populações de outros animais (presas).
Infelizmente, a onça-pintada é um dos animais que está na lista dos mais ameaçados de extinção.

Características da Onça-Pintada
Habitat: Onde Vivem?
As onças-pintadas vivem geralmente em densas florestas. Estão espalhadas na América do Norte, Central e Sul.
Em seus habitats naturais elas vivem cerca de 15 anos. Se criadas em cativeiro, a expectativa de vida pode aumentar aproximadamente 10 anos.
Hábitos
As onças-pintadas, como todos os felinos, são animais noturnos. Ou seja, elas caçam à noite.
Portanto, dormem durante o dia perto dos rios ou nas árvores. Vale citar que são ótimas nadadoras e durante muito tempo ficam na água.
É muito comum elas se lamberem para limparem seus pelos. Curioso notar que uns lambem os outros.
Quando maiores, as onças-pintadas são animais solitários, o que as difere dos leões.
São animais territorialistas, demarcando seu território com urina, excrementos e marcas de garras, sobretudo, nas árvores.

Estrutura Corporal
As onças-pintadas possuem dentes fortes e afiados para triturarem seus alimentos crus, além de mandíbulas alongadas e muito fortes.
Sua mordida é considerada uma das mais fortes do reino animal. Atacam geralmente a cabeça e o pescoço do animal que pode morrer na hora por lesões cerebrais ou sufocamento, visto a força e a eficácia de sua dentada.
É um animal quadrúpede sendo que sua estrutura corporal é adaptada para dar grandes saltos, facilitando a caça de suas presas.
Geralmente, os machos são maiores que as fêmeas. Outro fator decisivo para caçar é a velocidade desses animais. Elas se escondem e se aproximam silenciosamente para atacar as presas.
Elas possuem quatro espécies de “dedos” nas patas traseiras e cinco nas patas dianteiras. Suas garras são grandes, afiadas e retráteis, o que lhes permitem agarrar suas presas com maior precisão.
As onças-pintadas, como a maioria dos animais carnívoros, possuem audição e olfato bem desenvolvidos.
Elas possuem excelente visão noturna, o que lhes permite caçar e se proteger de outros animais durante a noite.
Seu estômago é de formato arredondado e possui grande quantidade de ácido clorídrico para realizar a digestão da carne. Sua língua é áspera, o que facilita comer até a carne presa nos ossos.
Quanto à sua aparência, elas apresentam diversas pintas (chamadas de rosetas) no rosto e no corpo todo.
 Alimentação
A onça-pintada é um animal carnívoro e, portanto, se alimenta predominantemente da carne de outros animais menores ou menos ágeis que ela.
Por exemplo, veados, capivaras, macacos, antas, tatus, tamanduás, jacarés, cobras, peixes, porco-selvagem e diversas aves.
Normalmente, elas caçam animais de pequeno e médio-porte. São consideradas oportunistas visto que caçam qualquer presa que esteja disponível.
Curioso notar que algumas espécies de onças são onívoras, ou seja, comem, além de carne, frutos, raízes, sementes, insetos, etc.
Entenda melhor sobre os Animais Carnívoros e os Animais Onívoros.
 
Reprodução
A onça-pintada é um mamífero. Ou seja, seu corpo é coberto de pelos e possuem respiração pulmonar. As fêmeas atingem a maturidade sexual por volta de dois anos de idade. Já os machos, com aproximadamente três anos.
Os machos encontram as fêmeas pelo odor e pelas vocalizações que realizam durante a época de acasalamento. Note que as onças-pintadas são sexualmente ativas o ano todo.
A gestação das fêmeas dura cerca de três meses. A cada ninhada ela tem de 1 a 4 filhotes, e normalmente somente um deles chega à fase adulta.
Interessante notar que os filhotes das onças-pintadas nascem cegos e, portanto, em seus primeiros meses de vida são totalmente dependentes da mãe. Somente com duas semanas de vida que eles começam a enxergar.
Quando tem seus filhotes, a fêmea os alimenta com o leite produzido em suas mamas. São amamentados cerca de três meses.
Desde cedo as onças-pintadas aprendem a caçar com a mãe e quando atingem a idade adulta vão viver sozinhas marcando seu território.

Curiosidades da Onça-Pintada
             Etimologia: a palavra “Yaguar” (Jaguar) é um termo nativo da América do Norte e significa “matador”.
             Peso: uma onça-pintada pode pesar entre 55 kg e 135 kg. Esse fator vai depender do habitat do animal. No Brasil, as onças-pintadas do Pantanal são maiores e mais pesadas que as da Amazônia, por exemplo.
             Altura: a onça-pintada apresenta uma altura variável entre 68 cm e 76 cm, fora a cauda. Essa pode medir entre 45 cm a 65 cm.
             Comprimento: Os machos das onças-pintadas são maiores que as fêmeas. Eles possuem um comprimento entre de 1,4 a 1,8 metros, enquanto as fêmeas é de 1,2 a 1,7 metros.


 


Onça-Pintada Negra
Também chamada de onça-preta ou jaguar-preto, é uma espécie muito rara que também apresenta marcas pelo corpo todo.
No entanto, por serem mais escuras não são tão nítidas. Esse tipo de onça-pintada demostra uma variação de melanina causada por genes dominantes e, por isso, são chamadas de onças melânicas.
Sendo assim, elas possuem uma quantidade maior de melanina no corpo em relação às onças-pintadas.
Quanto ao tamanho, elas podem apresentar até 3 metros (incluindo a cauda). Os machos são maiores que as fêmeas e podem pesar até 150 kg.

Onça Pintada em Extinção
No Brasil, a onça-pintada é um animal que vive em diversos biomas: Amazônia, Pantanal, Mata Atlântica e Caatinga. No Pampa ela já foi extinta.
Dentre todas, na Mata Atlântica e na Caatinga a espécie está ameaçada de extinção. Pesquisas apontam que o Pantanal possui cerca de 20 mil onças-pintadas, local de maior densidade desse animal no mundo.
Segundo o IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), no Brasil essa espécie é considerada “vulnerável”.
E, de acordo com a IUCN (União Internacional para a Conservação da Natureza), ela pertence à categoria "quase ameaçada" de extinção.
Sua pele é usada para produção de adornos e de objetos: tapetes, sapatos, bolsas, casacos, etc.
Assim, a caça ilegal, o aumento do desmatamento e das queimadas de diversas regiões tem diminuído consideravelmente seu habitat natural.
Além de ser caçada para utilizarem sua pele (que possui grande valor no mercado mundial), os criadores de gado têm matado muito as onças-pintadas, uma vez que elas são grandes ameaças para os rebanhos.
Note que matar esses animais é considerado um crime ambiental na maior parte dos países em que ela habita.
Outro fator a se considerar é o aumento do contrabando de espécies e a poluição do solo e dos rios.
Além dela, outros animais em extinção no Brasil são: mico-leão-dourado, a arara azul, a ariranha, o tamanduá-bandeira, o lobo-guará, dentre outros.
Espero que vocês tenham gostado da pesquisa.

Nossas Pesquisas:
https://www.todamateria.com.br/onca-pintada/


Vídeo de Hoje: A Abelha e a Onça



 ATIVIDADES
5 Imagens para colorir e imprimir.






Dia Internacional das Mulheres - 8 de março

Parabéns para Flor de Lia, Rita de Cássia, Socorro Almeida, Socorro Paiva, Tainá Paiva, Cândida Nunes, Darcy Campos, Geovanna, Karen, Betânia, Lúcia Lins, Rosângela Gonçalves, Fátima Cardoso Costa e tantas outras mulheres maravilhosas que passaram e continuarão a frequentar nosso Blog Maçayó.

26 comentários:

  1. Sensacional página infantil de sábado! Estou muito feliz e agradecida por mais um Conto publicado em nosso Blog Maçayó. Vale salientar que o nosso retorno seja de vitórias. Hoje o meu grito é em prol da vida, pela preservação da Flora e da Fauna e pelo respeito pelo animais. Estou encantada pelas magníficas imagens compartilhadas desse deslumbrante felino que chora pela vida e que também luta pela multiplicação da sua espécie. Tudo perfeito em nosso Cantinho do Saber, que para mim é uma aula sobre a Natureza. Eu particularmente amei a temática escolhida, a Onça-Pintada agradece a nossa reflexão. Belíssima homenagem ao Dia da Mulher que o Blog não deixou passar em branco. Parabéns para vocês que são rosas que perfumam e adornam as nossas páginas, Mulheres que deixam marcas registradas, aqui, com tinta de puro ouro. Aplausos mil para todas! Beijos e obrigada pelo carinho da presença constante. Parabéns ao poeta Jorge Leite pela arte final e atividades lúdicas maravilhosas. Um bom dia! Show e show!

    ResponderExcluir
  2. Tia sou sua aluna laurinha que estava com saudade dos contos, estou feliz e gosto da historinha da onça, e linda. Tia beta chorei porque nao teve conto no carnaval, tá tudo belo e gasto da tarefinhas de pintar. beijos da Laura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, princesa Laurinha! Estou feliz por você haver gostado do conto e agradecida pelo seu comentário. Quero agradecer também a sua mãe pela ajuda, pois sei que ela está ao seu lado. Faça todas as tarefinhas que depois passarei na escola para apanhar e corrigir. Deixe tudo bonito e colorido. Saudades e beijos da sua sempre professora Tia Beta.🤗🌹👱🍦💕

      Excluir
  3. Uma página espetacular de sábado com um belíssimo poema de abertura, que faz uma reflexão sobre o respeito pela natureza, são versos tecidos com muita maestria. Um fantástico conto infantil com a mesma temática, como também uma mensagem linda de amor à vida, é a natureza em foco. Imagens dignas de aplausos, a Onça-Pintada brilha na página do Blog Maçayó. Adorável e informativa pesquisa com um grande conteúdo. Gostei bastante das atividades lúdicas e do vídeo, a dubla dos irmãos Leite voltaram com tudo. Já estava sentindo saudades das aulas, poesias, contos e pesquisas por aqui. Parabéns aos poetas pela excelente partilha e para as Mulheres meu respeito e reconhecimento sempre. Bravíssimo e aplausos. Tudo perfeito nessa página de hoje. Saudades e bom dia a todos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada amigo poeta Maciel pelo seu carinho, muito bom falar contigo, eu também estava com saudades de todos vocês. Tive a chance de rever Paulo e Geovanna na folia de Carnaval, eles estavam lindos e brilhavam no calçadão. Muitas saudades da amiga Lis. Forte abraço e feliz retorno!❤💙👏👏👏👏

      Excluir
  4. Tia Beta e gugu seu aluno que ama conto, já estava triste sem historinha e agora to feliz. Hoje papai ajuda eu, gosto da historia da onça, e linda, gosto das tarefinhas e tudo. O tio Jorge sabe enfeitar com belas fotos. Um beijo do seu aluno que sente saudade Gustavo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, meu aluno Gugu! Também senti saudades de vocês. Agradeço por você gostar do Conto e da página do Blog. Mande lembranças para seu pai e um beijo da sua eterna professora Tia Beta.🙋💥🍦🍨🤗👏

      Excluir
  5. Oi Gugu, fico feliz com seu elogio mas encontrar belas imagens da Natureza é fácil, pois a mesma já é bela e maravilhosa; principalmente pelos olhos das crianças que são mágicas. As crianças quando olham para a Natureza se transformam na própria Natureza. A Tia Beta nos alerta para a necessidade de conservarmos o meio ambiente, a flora e a fauna. E são crianças como você Gugu que salvarão nosso mãe Terra. Um abraço em seu pai e um ótimo final de semana.

    ResponderExcluir
  6. Sou sua aluna laynne e tenho saudade da senhora. Eu amo historinha no blog e gosto da onça, chorei porque nao teve conto no carnaval. Mamae ajuda eu a comentar e acho tudo lindo, as tarefinhas e o filme. Beijos da sua aluna. A senhora pode passar na escola tia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, princesa Laynne! Eu também sinto saudades de vocês. Obrigada por gostar do conto e agradeça sua mãe por ajudar você. Feliz pela sua presença aqui. Lembranças a todos da sua família. Beijos da sua sempre professora Tia Beta👑🌷🍨🤗

      Excluir
  7. Oba! Bom retorno a todos. Eu, particularmente, agradeço à menção ao meu nome pelo dia da mulher. Parabéns a todas as mulheres deste blog, que retorna hoje com um belo poema da tia Bete e um emocionante conto sobre a onça pintada.
    Parabéns às meninas, futuras mulheres deste país!
    Abraços a todos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada estimada poetisa e amiga Socorro Almeida pela sua ilustre presença e gentil comentário. Feliz pelo nosso retorno! Forte abraço e parabéns pelo nosso dia. Boa tarde!

      Excluir
  8. Como é bom interagir nesse maravilhoso Blog, que mais uma vez compartilha uma belíssima página infantil. Sabe gente, que a minha vida parecia um grande vazio sem poesias, contos, crônicas, pesquisas e artigos para ser lido. Ainda bem que hoje tem Conto... Agora, sinto-me completa e radiante. A temática de hoje está fantástica, lindo poema e um conto lindíssimo e reflexivo para o nosso deleite. As ilustrações, como sempre, sensacionais e completam perfeitamente o tema. Pesquisas, atividades lúdicas e belo vídeo fecham o show. Tudo muito lindo no blog Maçayó. Parabéns a todas as mulheres pelo nosso dia, somos poderosas e conseguimos trilhar nosso espaço com força e determinação. Parabéns poetas pelo espetáculo de página. Um feliz regresso a todos. Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Geovanna, que bom te ver por aqui! Muito feliz pelo seu lindo e preciso comentário. É maravilhoso saber que as páginas do Blog fazem falta. Obrigada pelo seu carinho de sempre. Você linda vestida de índia. Beijos em seu lindo coração... Uma boa tarde!❤

      Excluir
  9. Eita pessoal, que página infantil de sábado magnífica! Um belíssimo poema de alerta de abertura, um conto lindo e emocionante da nossa queridíssima poetisa Elisabete Leite. As ilustrações estão maravihosas, como é linda a imagem da Onça-Pintada Negra, um verdadeiro show. A excelente pesquisa, vídeo e atividades lúdicas completam o grande conteúdo. Um bela aula de Ciências Naturais. Ótimo retorno a todos. Abraços... O blog fez falta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo Paulo, que bom sua ilustre presença por aqui! Senti muito a falta de todos vocês. Obrigada peli seu carinho e gentil comentário. Bastante gratificante é nosso retorno. Forte abraço e boa lindo entardecer!💙

      Excluir
    2. Corrigindo: ...pelo... boa tarde!...

      Excluir
  10. Venho aqui prestigiar a minha querida amiga poetisa Elisabete Leite que hoje compartilha mais um magnífico Conto infantil, uma história belíssima e comovente de amor à vida, a preservação da Flora e a Fauna e o respeito pela natureza. Um lindo e reflexivo poema que abre essa sensacional página do Blog Maçayó que já estava fazendo muita falta. Amei essa excelente pesquisa e também as atividades lúdicas e vídeo. Um verdadeiro encanto as imagens compartilhadas pelo poeta Jorge Leite. Deslumbrante o Jaguar Negro. Aplausos pela arte final. Parabéns a nós mulheres por tudo que representamos. Que saudades de vocês... abraços e feliz retorno a todos os poeta e poetisas. Bravíssimo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito feliz pela sua ilustre presença e gentil comentário, senti muita saudade de vocês é sempre bom interagir com meus queridos amigos e queridas amigas e minimizar essa dor que sufoca a minha alma. Parabéns pela grandiosidade de ser uma maravilhosa Mulher! Beijos em seu coração amiga❤.

      Excluir
    2. Parabéns Flor de Lis pelo nosso dia!

      Excluir
  11. Ah, como é bom voltar às páginas do Blog Maçayó, pois senti falta dos lindos Contos e os poemas que nos fazem viajar na nossa imaginação. Mais uma maravilhosa página infantil de sábado com um belíssimo Conto reflexivo da nossa amiga poetisa Elisabete Leite que passa uma notável mensagem e um poema lindo em versos de alerta. Lindíssimas ilustrações da Onça-Pintada nossa estrela da página de hoje. Excelente pesquisa, ótimo vídeo e atividades complementares. Parabéns aos poetas e abraços... Obrigada pela maravilhosa homenagem ao dia da Mulher! Tudo perfeito por aqui! Boa noite!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, querida amiga Karen! Feliz pelo nosso retorno e pelo seu carinhoso comentário. Senti saudades de todos vocês e é gratificante interagir em nosso Cantinho do Saber. Parabéns pelo nosso dia! Abraços❤

      Excluir
  12. Amigas e amigos do Blog Maçayo, depois de um longo período em São Paulo para um tratamento sério de saúde, volto a compartilhar com vocês, se me permitem, esse magnífico trabalho dos nobres poetas. Fiquei feliz ao receber de Socorro Almeida este link que me dá a oportunidade de ver que não fui esquecida quando vi meu nome ser lembrado entre todos que fazem parte deste blog. Muito obrigada pela lembrança e parabéns à nobre poetisa Bete Leite pela linda história e belo poema. Abraços a todos vocês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, Amiga poetisa Cândida Nunes! Prazer imenso revê-la, seja sempre bem-vinda! Feliz pela sua recuperação e ótimo retorno, esperamos pelos seus belíssimos poemas. Obrigada pela ilustre visita e gentil comentário. Forte abraço!

      Excluir
  13. Bom domingo a todos! Somente agora venho prestigiar a belíssima página infantil de sábado, eu já estava sentindo falta desse show de conhecimento que compartilhamos no Blog Maçayó... Que na verdade voltou com tudo, após as festividades de Momo. Um poema lindo de abertura com os seus versos de alerta, um Conto maravilhoso de preservação à natureza, muito bem narrado e emocionante, um show aula que nossa amiga poetisa Elisabete Leite compartilha para o nosso deleite. Lindas ilustrações adornam à pagina, como também as atividades complementares e pesquisa que são excelentes, já o vídeo está ótimo. Quero agradecer a homenagem ao dia da Mulher que ficou comovente. Parabéns a todos por mais uma magnífica partilha. Bom descanso e abraços...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom domingo a todos! Olá querida amiga Betania já estava com saudade de vocês, o Blog fez muita falta. Obrigada pelo seu carinho e gentil comentário. Ficamos feliz por tanto reconhecimento. Ótimo retorno e forte abraço❤

      Excluir