domingo, 9 de junho de 2019

Almanack de Domingo com Poesias

Ano II - Edição Nº326 - Tema Poesias
Tema das Imagens - Abstracionismo



Wassily Kandinsky

Wassily Kandinsky (1866-1944) foi um pintor russo, um dos maiores do século XX. Junto com Piet Mondrian e Kazimir Malevich fez parte do chamado “trio sagrado da abstração”.
Wassily Kandinsky nasceu em Moscou, Rússia, no dia 4 de dezembro de 1866. Filho de um comerciante de chá após a separação dos pais em 1876, mudou-se para Odessa, com o pai e uma tia, que o incentivou na pintura de aquarelas.
Enquanto o Cubismo buscava dissecar a forma, fragmentando os objetos de maneira racional, a Arte Abstrata fez questão de deixar de lado qualquer referência a formas que pudéssemos reconhecer. As obras abandonam o compromisso de representar a realidade aparente e não reproduzem figuras nem retratam temas específicos.
                Em busca de criações completamente originais, os artistas abstratos utilizaram somente as formas mais puras possíveis: linhas e figuras geométricas simples, como círculos, quadrados, retângulos e triângulos.
         As cores correspondem a uma paleta farta e sem um direcionamento único. 
Perspectivas, volumes e profundidade não obedecem a padrão estético algum.
      Abstracionismo Informal: iniciado pelo russo WASSILY KANDINSKY, explora as formas definidas e livres, sem intenção de prender-se a uma única mensagem. As formas são criadas no ato da pintura, utilizando-se de linhas e cores para exprimir emoções.



Arte

Descobri que a vida é uma arte,
Onde, no palco, somos protagonistas
Usufruímos o ruim, o bom, o melhor.
No universo das artes, não estamos sós.

A magia da dança uniu nossos corpos...
Lindas palavras você balbuciou
Por fim, aprendemos a arte do amor.

A cada minuto a arte se caracteriza:
Pinto meu rosto, sou a palhaça da vida,
Rabisco nas paredes, nos cadernos, minha
História escrevo...

Canto a mais linda canção, você escuta
Fico a dançar no palco sem luz...
Você chega, e com sua arte me seduz.

Rita de Cássia

AFAGA

AFAGA O CORPO
QUE TE CHAMA
APAGA A LUZ
VAMOS PRA CAMA...
JUNTOS VAMOS MERGULHAR,
MERGULHAR NUM BANQUETE DE AMOR!

Rita de Cássia

Teu Beijo

Teu sublime beijo
Aqueceu todo meu corpo.
Teus olhos, mais uma vez,
Brilharam para mim
É de repente nos amamos assim;

Colamos nossos lábios,
Sentimos o sabor do beijo
E os nossos corações
Vibraram de desejo
Um desejo louco,
Tão louco e tão impossível!

RITA DE CASSIA SOARES PIRPIRITUBA PB
SONHOS ALÉM-MAR

Tantas Primaveras que voam
Trazem esperança de floração
Novos momentos que avoam
Novos sonhos, nova Estação...

Tantas mudanças além-mar
Momentos de plena renovação
É preciso partir, voar, navegar,
Velejar muito além da emoção...

Buscar o cheirinho do Alecrim,
Acordar e sentir total sensação
Regar a nova Flor de um jardim...

Tantas Primaveras além-mar...
São sonhos realizados por mim
Sinto-me viva em meu sonhar.

Elisabete Leite – 02\06\2019
(Soneto inspirado na letra da Música “TANTO MAR” de Chico Buarque de Holanda)

NATUREZA É AMOR

Senti a brisa suave da Natureza
E o aroma das Flores do campo
Olhei para o cenário e vi beleza
A vegetação, o seu verde manto...

Vi Sementes caídas pela terra,
Cada broto que crescia no chão
O nascer da vida que se enterra
E o esplendor da nova Estação...

Olhei Aves, em revoada, pelo Céu
O brilho natural do Sol a iluminar,
O doce sabor da Vida, o puro mel
E o esvoaçar da Borboleta pelo ar...

Viajei com nuvens, lá pelo espaço,
Segui os pingos d’água pelo jardim
Juntei pontos sozinhos com um laço
Tecendo Poema, sentindo o Jasmim...

Contemplei o desabrochar da Flor
E toda Fauna do espaço terrestre,
Assim, é a Natureza, é puro Amor!
É a ação de Deus, o maior Mestre.

Elisabete Leite – 02\06\2019


RECORDANDO POESIA - Além-mar, de Jorge Leite
publicada em 05 de abril de 2018



Além-Mar 

Barco cortando as águas,
Cortando as ondas,
Cortando o mar.
Barco que traz saudades,
Que traz lembranças,
Do além-mar.

Barco cortando as brumas,
Cortando os ventos,
Cortando o ar.
Barco que traz lembranças,
Que traz saudades
Para sonhar.

Barco correndo arisco,
Feito um feitiço,
No seu cantar.
Barco da esperança
Quantas lembranças
Do além-mar.

Barco pura saudade
Qual vaidade
No seu bailar.
Barco que me carregas,
Para os teus braços
No meu sonhar.

Barco quantas lembranças,
Quantas saudades
No seu andar.
Barco minha esperança
É que me leves
Para o além-mar.

Jorge Leite



 Mulher de Todas as Rimas & Outras Poesias


Hoje homenageamos a poetisa, contista, compositora Socorro Almeida que lançou seu primeiro livro solo de poesias, pela editora ESH Edições de Jaboatão os Guararapes. Parabéns a nossa poetisa e escritora Socorro Almeida por este sonho realizado. O Blog MAÇAYÓ se sente honrado com sua presença.



 DE TOLA QUE EU SOU  (AAL)


Falei contigo dos antigos amores
Ficaste, então, com um olhar de temor
Falei de todos que eu deixei para trás
Pensando talvez de matar de ciúmes
Chorei sem querer... de tola que eu sou

Falei da saudade dos antigos valores
Dos salões de festas e das serenatas
Da esteira em que meu peito pulsou
Por um amor cruel que quase me infarta
Chorei sem querer... de tola que eu sou

Falei das canções cantadas ao vento
Dos boleros e rumbas, valsas e blues
Dos encantos que vêm seguidos de dor
Das gotas de orvalho nos lagos azuis
Chorei sem querer... de tola que eu sou

Como pude zombar do teu coração?
Dos olhos castanhos tão cheios de amor
Do afago, a mão que em meu corpo tocou
Do abraço envolvente, dos teus beijos ardentes?
Que agora perdi... de tola que eu sou!

 Socorro Almeida, poema que faz parte de seu livro "Mulher de Todas as Rimas & Outras Poesias".
 
Socorro Almeida e os Editores da ESH Edições.





Todas as telas são do pintor russo Wassily Kandinsky.

14 comentários:

  1. Olá Amigos, bom dia. Como vocês perceberam fiz algumas alterações no visual do blog, com o único intuito de melhorar a leitura. O tamanho das letras do texto estão maiores e as cores mais leve. O visual dos aparelhos portáteis mudou muito pouco. Qualquer dificuldade encontrada relatem que serão corrigidas prontamente. Boa leitura e tenham um bom domingo.

    ResponderExcluir
  2. Que página de Almanaque espetacular, muita arte contida dentro da arte, um momento poético inesquesível onde poetas brilham com suas magníficas poesias. O Blog Maçayó, hoje faz uma homenagem a querida poetisa Socorro Almeida com seu primeiro livro solo. Tudo perfeito. As telas do pintor russo Wassily Kandinsky são extraordinárias, ilustrações de muito bom gosto. O Nosso Cantinho do Saber está de nova roupagem, amei as mudanças. Belíssima recordação da poesia Além-Mar do poeta Jorge Leite. Meus poemas foram tecidos de primeira mão para esse domingo de Almanaque. Parabéns a todos os poetas envolvidos nesse momento tão especial. Parabéns Socorro Almeida pelo seu livro e sucesso sempre! Obrigada poetisa Rita de Cássia pelo carinho de sempre. Aplausos ao Blog pelo sucesso das visualizações, pois o leitor sabe o que é pura arte. Bom dia e excelentes leituras. Ainda me recuperando. Abraços

    ResponderExcluir
  3. Hoje o blog Maçayó veio para brilhar, e a cada vez que muda, muda para melhor. As ilustrações estão belíssimas, com mais uma lição para nosso conhecimento. Os poemas são perfeitos como sempre. Tanto os de Bete quanto o de Jorge Leite.
    Escolhi pra essa página DE TOLA QUE EU SOU, por fazer parte, de forma mais expressiva, de uma fase minha vida. Obrigada a todos que fizeram isso possível!
    Bjos no coração.

    ResponderExcluir
  4. Poetisa Rita de Cássia, parabéns pelos seus poemas. TEU BEIJO é sensual, breve e gostoso de se ler.
    Parabéns, Pirpirituba, pela filha poetisa. Um saudoso abraço

    ResponderExcluir
  5. Mais um magnífico momento de arte poética, um Almanaque de muito bom gosto e de grande estilo... O amigo poeta Jorge Leite e as amigas poetisas Rita de Cássia, Elisabete Leite e Socorro Almeide compartilham suas magníficas Poesias, versos que voam na inspiração de cada um. Tudo perfeito por aqui, no Blog Maçayó. Quero parabenizar a poetisa Socorro Almeida pelo seu primeiro livro solo, fico lisonjeado em participar de um blog como esse, puro ensinamento. Fantásticas ilustrações, é a arte pedindo passagem. Aplausos mil ao blog por tanto sucesso tanto de conteúdo quanto de visualizações. Um verdadeiro show de domingo. Parabéns aos poetas envolvidos por tanto brilho. Belíssimas mudanças, para melhor. Abraços e bom domingo!

    ResponderExcluir
  6. Adorei todos os poemas...de Rita de Cássia, de Bete Leite, e do Jorge Leite.
    Essa homenagem feita a Socorro Almeida é bem merecida, pois venho acompanhando o blog há muito tempo e tenho conhecimento de diversos poemas dela. Seu livro "Mulher de Todas as Rimas, está muito bonito. Gostei muito.
    Parabéns a todos que fazem o blog ser esse sucesso que é.

    ResponderExcluir
  7. Bom domingo a todos! Hoje, venho prestigiar o show do Almanaque de domingo, uma página de puro encantamento com a magia de versos extraídos do fundo da alma. São Tantos sentimentos contidos nos belíssimos poemas dos poetas Jorge Leite, Rita de Cássia, Elisabete Leite e Socorro Almeida, e que Blog Maçayó aproveita para homenageá-la pelo seu lindíssimo livro solo, recentimente lançado. Parabéns Poetisa pelo livro. Parabéns aos poetas envolvidos nesse momento especial de arte. Adoráveis ilustrações, tanta arte dentro da arte. Amei a nova roupagem do blog e como também a lindíssima recordação. Aplausos e abraços a todos.

    ResponderExcluir
  8. Eu não poderia ficar de fora, e para conhecimento de todos, eu adquiri um exemplar de Mulher de todas as rimas. Tenho convicção que Socorro Almeida merece essa homenagem. Aplausos pelo encanto de página, que traz tantos poemas lindos, de tão magníficos poetas.
    Parabéns ao blog.
    Um domingo de encantamento!

    ResponderExcluir
  9. Uma maravilhosa página de Almanaque com poesias. Nada melhor que um domingo com belíssimos conteúdos poéticos. Os amigos poetas Rita de Cássia, Elisabete Leite, Socorro Almeida e Jorge Leite desfilam lindamente com seus adoráveis poemas. As ilustrações são puro encantamento, a arte dentro enfeitam as obras de arte. O blog Maçayó aproveita esse momento especial para homenagear a poetisa Socorro Almeida que lança o seu primeiro livro solo de poesias, tudo muito lindo. Parabéns amiga pela obra e sucesso! Aplausos para todos os poetas e seus lindíssimos poemas. Parabéns pela excelente partilha. Gostei das mudanças por aqui. Abraços

    ResponderExcluir
  10. Corrigindo: ... as artes compartilhadas aqui dentro enfeitam as obras de arte...

    ResponderExcluir
  11. Uau, que brilhante momento poético! Belíssimas poesias desfilam pela página do blog Maçayó, versos de elite das amigas poetisas Rita de Cássia, Elisabete Leite, Socorro Almeida, nossa homenageada, e o amigo poeta Jorge Leite. Tudo perfeito no Cantinho do Saber! Quero parabenizar a poetisa Socorro Almeida pelo seu primeiro livro solo... Sucessos amiga! É um grande encontro de poemas todos com estilos diferentes, pois é a arte diversificada do Blog de amigos para amigos. Quero aplaudir a todos que desfilaram por aqui e que nos encantam e nos ensinam com tantas mensagens. Parabéns a todos mais uma vezes! Abraços e boa tarde!

    ResponderExcluir
  12. Belíssimo Almanaque de domingo no Blog Maçayó, com lindìssimos poemas das amigas poetisas Rita de Cássia, Elisabete Leite, Socorro Almeida o do amigo poeta Jorge Leite. Todos os poemas são criativos e recheados de sentimentos, um domingo em grande estilo. O blog Maçayó, hoje, faz mais uma homenagem agora para a poetisa amiga Socorro Almeida, pelo lançamento do seu primeiro livro solo. Parabéns e muito sucesso Socorro! Que lindas mudanças e ilustrações. Gostei de tudo por aqui, que foi compartilhado hoje. Aplausos pelo lindo momento. Abraços a todos e boa tarde! Show em Poesias...

    ResponderExcluir
  13. Quero dizer que a página de hoje, compartilhada no blog Maçayó está belíssima mesmo, mudanças relevantes. Um grande encontro de poetas todos em estilos diferentes, são lindíssimos versos... Paraíba, Alagoas e Pernambuco desfilam na nesma página. O Blog faz uma sequência de homenagem, ontem Elisabete Leite mostrou seu primeiro livro solo de Contos e hoje é a vez de Socorro Almeida mostrar seu primeiro solo de poesias. Parabéns amiga poetisa Socorro Almeida por essa conquista! Maravilhosas ilustrações, muita arte. Parabéns aos demais poetas pelos magníficos poemas. Show de blog!

    ResponderExcluir
  14. Aos amigos, Jorge, Bete, Karen, Betânia, Paulo, Geovanna, Flor de Lis, Maciel, Ory Moura e Cândida Nunes, envio meus sinceros agradecimentos e meu carinho pela gentileza dos comentários.
    Beijos no coração!

    ResponderExcluir