quarta-feira, 4 de setembro de 2019

Quarta Poética com Emiliano de Melo

Ano II - Edição Nº 357 - Poesias
Tema das Imagens - Relógios


 O PONTEIRO E A CATRACA

A catraca e o ponteiro faz o tempo,
O nosso tempo num ritmo nosso.
Tempo corrido, tempo sem tempo.
Tempo acabando a cada momento.

O ponteiro do segundo é sujeito apressado,
Está sempre à frente em toda partida.
Incentiva o ponteiro do minuto na sua corrida
Para os atletas tem valor para o usuário é renegado.

Nesse jogo de atuar no contratempo do tempo,
 A catraca escondida é importante.
Coordena os ponteiros da hora, do minuto, do segundo a todo instante.

A hora é filha do tempo não quanto a espaço
Mas no giro dos ponteiros ao som do tic tac
Catraca trabalha no anonimato para o brilho dos ponteiros com seus destaques.

Emiliano de Melo
Guarabira-PB, 28 de agosto de 2019.

  
TENHO FOME

Do cheiro da flor
Do sorriso das pessoas
Do abraço fraterno
Da palavra amor

Da escola como sabedoria
Da esperança de um drogado
De um herói para esse país
De um prato de comida trazer alegria.

Da decisão justa de um juiz
Do combate a corrupção
Do sábio se declarar um eterno aprendiz.

Da leitura para as crianças
Do arrependimento do bandido
Do grito de liberdade ser ensaiado na França.

Emiliano de Melo


 
SAUDADE

Saudade nunca vai embora
Não se esconde de ninguém
 Não tem tempo certo
Nem dia nem hora.

Saudade e coisa boa
Dói no coração
O sujeito fica bobo
É coisa que não enjoa

Saudade não surge na hora
Perto ela não se manifesta
Só quando vai embora

Amor me faz um favor
Afasta-se de mim só um tiquinho
Pra saudade dizer quanto é grande o nosso amor.

Guarabira-PB, 17 de agosto de 2019
Emiliano de Melo






6 comentários:

  1. Linda página de quarta-feira poética compartilhada em nosso Blog Maçayó; romantismo, sabedoria e reflexão desfilam por aqui, em um momento encantador. O poeta Emiliano de Melo traz belíssimos e sentidos poemas para o nosso deleite, a emoção segue voando alto, tudo é magia em seus lindos versos extraídos da alma e tecidos dentro do coração.
    Tudo perfeito, pois as ilustrações demarcam o tempo e embelezam ainda mais essas emocionantes inspirações do nosso poeta.
    Parabéns poeta Emiliano de Melo pela sua arte...
    Parabéns Poeta Jorge Leite pelas ilustrações e criatividade.
    Vamos aproveitar, refletir e comentar meus amigos!
    Abraços e bom dia a todos!

    ResponderExcluir
  2. Lindo e muito lindo momento poético, aqui, no Blog Maçayó, com o amigo poeta Emiliano de Melo e seus maravilhosos poemas que parecem que voam pela nossa alma e vai direto para o coração.
    Magníficas ilustrações, o amigo poeta Jorge Leite sabe nós emocionar. Um show de quarta-feira.
    Parabéns para os poetas pelas artes compartilhadas.
    Boa tarde para todos e abraços!

    ResponderExcluir
  3. Uau pessoal, que maravilha de página! Os poemas do amigo Emiliano de Melo chegaram para emocionar qualquer leitor. As poesias, principalmente "Saudade" gostei demais. O poeta está de parabéns, como também as ilustrações do amigo poeta Jorge Leite. Uma quarta para o leitor lê e reler.
    Aplausos para o blog Maçayó!
    Abraços e boa tarde!

    ResponderExcluir
  4. Uma quarta de pura arte do amigo poeta Emiliano de Melo, que compartilhou seus belíssimos poemas. São versos românticos e com muita reflexão. Ficou uma página leve e muito sentimentalismo.
    As imagens ilustrativas estão perfeitas e completam perfeitamente o tema dos poemas.
    Parabéns para os poetas e ao blog aplausos mil.
    Abraços e saudades

    ResponderExcluir
  5. Achei maravilhosa a página de hoje, o poeta Emiliano de Melo desfila no Blog, o nosso Cantinho do Saber, com muito brilho. Lindos poemas escritos com muito sentimento e emoção, é notório como o poeta cresceu em conteúdo e harmonia. O blog Maçayó é uma grande escola. Estou muito sensibilizada pela partilha. As imagens ilustrativas estão dando um show à parte.
    Parabéns para os poetas e uma excelente tarde para todos.
    Abraços e saudades...

    ResponderExcluir
  6. Eu me identifiquei mais com o poema O PONTEIRO E A CATRACA. Gostei demais. Parabéns ao poeta Emiliano. Flor de Lis tem razão. O poeta cresceu em conteúdo e harmonia. Há simplicidade e beleza em SAUDADE.
    Amei a página de hoje.
    Parabéns a todos

    ResponderExcluir